ESPAÇO CRIANÇA CANDANGA

ESPAÇO CRIANÇA CANDANGA

O espaço GREEN NATION foi uma das mais procuradas atrações dentro da Vila Cidadã aberta ao público no 8º Fórum Mundial da Água. Seus 2.700 m² de área atraíram aproximadamente setenta mil pessoas, entre crianças e adultos, que queriam imergir nas experiências interativas propostas pelo projeto GREEN NATION.

O sucesso de visitação nos sete dias mostrou ao público uma grande instalação de atividades relacionadas à temática da água de diversas formas.

A proposta foi voltada para a existência da água nos formatos rio, gelo, mata ciliar, alimento, transporte e como os nossos hábitos estão relacionados à sua sustentabilidade através de equipamentos tecnológicos, oficinas de co-criação, oficinas maker e contação de histórias, jogos, educação ambiental, rodas de conversa, culinária e música, sendo que um ponto positivo e destaque de todo projeto foram os orientadores que contavam as histórias dentro dos espaços serem atores, ou seja, encenavam de forma real o que era contado aos participantes.

Na Vila Cidadã, o Espaço GREEN NATION teve as seguintes atrações:

 

SUBMARINO

O público se tornou tripulante de um veículo subaquático e mergulhou fundo para conhecer os mistérios dos oceanos. Sentados em uma cadeira, eles imergiram em um ambiente multimídia, que os colocou em contato com baleias, tartarugas, variados peixes e flora marinha, onde ganhavam compreensão dos impactos da pesca predatória.

 

INSTALAÇÃO FALTA ÁGUA

O público foi convidado a conhecer o racionamento de água e imaginar toda a sua vida sem o recurso hídrico. Por meio de um jogo, os visitantes foram provocados a passar por desafios de uma vida na seca, com o objetivo de rever hábitos em relação à água que chega às torneiras.

 

ESTAÇÃO ANTÁRTICA

Neste ambiente, os visitantes passavam por um corredor com estrutura que imita gelo. Por baixo, uma luz negra fez com que as fotos tiradas no local ganhassem uma tonalidade azulada, como se as pessoas estivessem realmente a ponto de congelar, também com a ajuda de aparelhos de ar-condicionado, que deixavam o ambiente gelado. A temperatura era fria para dar a sensação de estar em outro continente. O objetivo foi alcançado ao mostrar os impactos do aquecimento global na vida marinha e ao conhecer a realidade dos pesquisadores brasileiros, na base brasileira Estação Comandante Ferraz, como outras muitas informações sobre a vida na Antártica.

 

ASA DELTA

A aventura foi no ar. Os visitantes eram alçados por cinco minutos em uma asa delta de verdade a menos de um metro de altura. Com cintos, óculo de realidade virtual e fones de ouvido. A viagem transcorria virtualmente para a Pedra da Gávea, no Rio de Janeiro e seguia por diversos locais do país onde a água existe em abundância, como Foz do Iguaçu, no Paraná; Bonito e a Usina de Ilha Solteira CTG Brasil, no Mato Grosso do Sul.

 

PET VIRA PET

Neste espaço, o público participante aprendia que comprar uma garrafinha é prático, mas qual é o caminho que ela faz depois que hidrata nosso corpo? Neste espaço, o público conheceu o caminho passo a passo. O GREEN NATION montou uma máquina de reciclagem que ensinou de um modo dinâmico os caminhos da reciclagem até transformar o PET usado em PET novo.

 

PLANTE ÁGUA

O desmatamento afeta o planeta muito mais do que imaginamos. Plantar é a única solução para equilibrar os ecossistemas naturais. É também uma atitude de legado para as novas gerações e o meio ambiente. Neste espaço o público podia adotar uma árvore que seria plantada em uma área de reflorestamento no Olhos D’água/Alexânia. No total foram adotadas dez mil árvores de 15 espécies. O plantio e o crescimento destas árvores poderiam ser acompanhados pelo facebook.

 

SABORES E SENTIDOS

O paladar também fez parte da imersão GREEN NATION. Os visitantes, com os olhos fechados, aguçaram os sentidos do paladar com diferentes sucos. Além disso, descobriram o segredo das embalagens dos ingredientes, que vão muito além da proteção do alimento.

 

FLORESTAS DO MAR

Os visitantes aqui colocavam óculos de mergulho e entravam em um ambiente que imitava o fundo do mar. Ali dentro, além dos fantoches das espécies marinhas, era possível ver o impacto que o lixo jogado nas praias e ruas causa à vida marinha. A missão do visitante era coletar o lixo do fundo do oceano. A reflexão era mostrar como a atitude de cada um pode destruir e salvar esses berçários da vida marinha.

 

NAVE – A ÁGUA NAS CIDADES

Nesta atração, o público entendeu como a água chega ao nosso chuveiro, viajando numa nave espacial. A mensagem passada era que a população cresce e o abastecimento da água para toda a cidade é um desafio, dessa forma era possível compreender como é necessário respeitar cada gota que chega até nossas casas.

Facebook